ENEM

marly | 9:53 AM | 0 comentários



O Ministro da Educação, Aloizo Mercadante, divulgou nesta segunda-feira (25) as médias das notas dos concluintes no ensino médio que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2012. O melhor desempenho foi em matemática (533,43); seguido por ciências humanas (533,18); redação (529,14); linguagens (502,52); e ciências da natureza (486,28).

O site do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) terá uma ferramenta na qual o estudante poderá comparar sua nota individual com a média da escola, e a instituição poderá ver um mapa do desempenho de todos os seus alunos por área de conhecimento. A ferramenta está disponível desde esta terça-feira (26).

Segundo o ministro, o estudante terá a oportunidade de acompanhar o seu desempenho e comparar com o de outros colegas da escola. “Nós do MEC procuramos dar as informações mais precisas possíveis para o estudante saber como ele foi, se quiser fazer um novo enem. Nosso objetivo é pedagógico", afirmou.

O Inep também vai disponibilizar uma ferramenta na qual o estudante poderá fazer exercícios simulados do conteúdo do Enem, ver o seu desempenho, pontos fortes e pontos fracos em cada uma das quatro áreas de conhecimento. A ferramenta "Geekie Games", desenvolvida pela start up Geekie, foi disponibilizidada no G1 nas semanas que antecederam o Enem.

O MEC divulgou nesta terça-feira (26) as notas de cada escola no Enem do ano passado.

Questionado sobre os rankings de desempenho das escolas no Enem que são feitos anualmente pela imprensa, Mercadante afirmou que o papel do governo é informar. “Eu sou favorável a toda transparência de informação pedagógica. A forma de apresentar as informações compete à imprensa. Cada um tem a sua leitura das informações. O papel do Estado é dar informação pura e transparente", diz Mercadante.

Ele afirmou, por exemplo, que uma escola da periferia, com população de baixa renda, sem estrutura em casa, terá média mais baixa em comparação a uma escola de um bairro de luxo, com toda a estrutura, condições e apoio pedagógico. “Pode ter certeza que a média vai ser melhor na segunda escola.”

“Nós preferimos que essa informação seja dada para cada escola, para ela abrir as informações e poder discutir com os estudantes. (...) Ela vai saber onde ela está em relação à distribuição das notas, e estudante vai ter a informação mais detalhada possível de suas habilidades, para ele saber o que precisa desenvolver.”
Fonte: G1
RESULTADO DO ENEM 2013 PODE SER ANTECIPADO

Nos dias 26 e 27 de outubro, 1661 municípios brasileiros receberam as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). De acordo com o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, o resultado oficial será divulgado até o dia 07 de janeiro. No entanto, pode ser que o Ministério da Educação (MEC) antecipe a divulgação.
No fim do primeiro dia de aplicação das provas, Aloizio Mercadante concedeu entrevista coletiva e disse que o resultado do Enem 2013 será divulgado na primeira semana de janeiro do ano que vem (2014). Tal informação não constava no edital onde estão todas as regras do Exame.
Antes de divulgar o resultado, o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) já publicou em seu site o gabarito oficial do Enem 2013. Se quiser conferir seu número de acertos, acesse a página http://enem.inep.gov.br/ e veja as respostas dos dois dias e de todos os cadernos de questão.

NOTA DO ENEM 2013: COMO E ONDE CONSULTAR?

O Enem conta com 180 questões de múltipla escolha e uma redação de caráter dissertativo-argumentativo. As questões são divididas igualmente entre as seguintes áreas de conhecimento: Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Linguagens e Matemática. A redação é avaliada de 0 a 1000 pontos e as perguntas são corrigidas pela metodologia da Teoria de Resposta ao Item (TRI).
nota do Enem 2013 também estará disponível para consulta no site oficial do Inep, mesmo endereço onde estão disponíveis os gabaritos. Para fazer a consulta, cada participante deverá informar o número do CPF e senha, ou número de inscrição e senha do Enem 2013. Quem perdeu os dados terá a oportunidade de recuperá-los em um linkdisponível na própria página.
Na correção das questões, a TRI não leva em conta apenas o número de acerto dos candidatos, mas também valoriza o nível de dificuldade de cada item. Desta maneira, candidatos com o mesmo número de itens corretos podem ter médias finais diferentes. É impossível um participante que fez as provas tirar zero na nota final, como também é impossível tirar 1000 pontos.
Da mesma forma que já fez em outras edições, o MEC poderá antecipar a divulgação das notas do Enem 2013. Se o processo de correção for mais ágil do que o esperado, os resultados finais poderão ser o presente de natal e ano novo dos estudantes mais de 5 milhões de estudantes que fizeram as provas. Continue visitando nosso site que o manteremos informado de todas as novidades a cerca do Exame. 

O resultado do Enem 2013, referente às provas deste ano serão divulgados em breve no endereço eletrônico http://sistemasenem2.inep.gov.br/resultadosenem/, fato que pode ser antecipado pelo MEC já para o próximo mês de Dezembro. Neste link também já se encontram disponíveis os resultados do Enem de anos anteriores.
Já o Gabarito do Enem 2013, você confere através do endereço eletrônico http://enem.inep.gov.br/.
Por fim, os resultados por escola, tema deste artigo, devem ser vistos através do link http://sistemasenem2.inep.gov.br/enemMediasEscola/.

Category:

0 comentários