marly | 1:25 PM | 0 comentários

ESTUDANTES PARTICIPAM DE FÓRUM INTERNACIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EM LONDRES

ESTUDANTES DE ENSINO MÉDIO PARTICIPAM DE
FÓRUM INTERNACIONAL DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA EM LONDRES

Mais uma vez, estudantes de escolas de ensino médio do Semiárido Potiguar se destacam no quesito iniciação científica. Dois projetos O uso da raspa da casca do juazeiro no tratamento dentário e Análise empírica da diminuição do nível de poluição da água com a técnica de eletrofloculação foram premiados com vagas oferecidas pela Rede Programa Olimpíadas do Conhecimento (REDE POC). Os dois trabalhos serão apresentados no LIYSF - London International Youth Science Forum (www.liysf.org.uk), a ser realizado de 24 de julho a 7 de agosto próximo,  no Imperial College, em Londres. O LIYSF oferece oportunidade única de participação em um evento internacional, responsável por atrair estudantes jovens, que desenvolvem projetos científicos no mundo todo.
Os projetos foram desenvolvidos dentro do Programa de Extensão Ciência para Todos no Semiárido Potiguar, da UFERSA - Universidade Federal Rural do Semiárido e da UERN – Universidade do Estado do Rio Grande do Norte, em parceria com a Secretaria de Estado da Educação e da Cultura e apoio das DIREDs – Diretorias Regionais de Educação. Os estudantes, junto com seus professores orientadores, venceram várias etapas, antes de serem escolhidos para expor os trabalhos em Londres.
O coordenador do Ciência para Todos, professor Felipe Ribeiro apontou que, “os trabalhos foram apresentados, em primeiro lugar, nas escolas dos estudantes, depois nas feiras de ciências de suas DIREDs e em seguida na 2ª. Feira de Ciências do Semiárido Potiguar, realizada no ano passado, em Mossoró,  quando então, receberam a vaga para o Fórum de Londres. Os estudantes, também participaram da 11ª.  Febrace - Feira Brasileira de Ciências e Engenharia realizada, em março último, na Universidade de São Paulo. A viagem a Londres para participar do London International Youth Science Forum representa a consolidação do excelente nível de atuação dos professores e estudantes do Semiárido Potiguar, no que diz respeito ao desenvolvimento de projetos de iniciação científica no ensino médio”.
Abaixo os nomes das escolas, dos professores orientadores e dos estudantes e seus respectivos trabalhos:

O uso da raspa da casca do juazeiro no tratamento dentário
Escola Estadual Moreira Dias (Mossoró)
Profa. Maria do Socorro de Sousa Freire Costa (orientadora)
Francisco Paulo Ramon Rocha Paiva           
Thais de Oliveira Almeida
Taianny de Oliveira Almeida

Análise empírica da diminuição do nível de poluição da água com a técnica de eletrofloculação
Escola Estadual 11 de Agosto (Umarizal)
Prof. José Everton Pinheiro Monteiro (orientador)
Jonas Medeiros de Paiva
Marcondes Matheus de Morais Silva
Flávia Kaline de Paiva Silva

Mais informações
Cristina Pavarini
Assessora de Imprensa
Ciência para Todos no Semiárido Potiguar
MTb 24453
(84) 9139-6308
(84) 9843-5637

Category:

0 comentários